Páginas

Senhorita (Im)perfeita

Antes de ler, vá até o final do texto e aperte o play, agora volte aqui, temos um encontro.

Já passava das três da manhã e Ana não conseguia dormir. Seu humor tava igual ao de uma onça quando alguém tenta pegar um dos seus filhotes e ela se sente ameaçada. Deu pra sentir o clima né? Depois desse breve relato, é compreensível que ela não conseguisse dormir, raiva e rancor, não são bem os tipos de que fazem você ter um sono digno dos anjos.
Na verdade, ela não queria adormecer, afinal, tantos pensamentos rodeavam sua cabeça a todo momento, que não há cristão no mundo que conseguisse adormecer com a cabeça cheia daquele jeito - transbordando idéias. As vezes é fácil se perder dentro da gente. Ana estava muito chateada, com ela mesma e com todos a sua volta. Sempre exigindo tanto dela, sempre querendo que ela fosse a filha exemplar, a garota perfeita, aquela que serve de modelo para que os outros pais digam a seus filhos, olha como a filha de fulano se comporta, você tem que ser como ela. Ana, estava cansada daquilo tudo.

Ana tinha seus próprios desejos e vontades e acredite eles não eram nem de longe, o tipo de coisa que 'a garota certinha' deveria fazer, aliás, nem deveria pensar. Ela só queria se sentir livre, pra fazer o que quisesse, e se sentir no direito de errar e aprender com seus erros. Afinal, não é pra isso que erros servem? Ela não queria ser a garota boazinha de que todos se orgulhassem, ela queria apenas que alguém a amasse apesar das suas imperfeições, alguém que conseguisse enxergar além delas e mesmo assim ainda quisesse permanecer a seu lado.

Naquela noite, olhando seu quarto todo certinho e organizado, ela pensou que precisava mudar a decoração dali, algo um pouco mais bagunçado, talvez refletisse melhor o que ela sentia por dentro. Ela queria perder um dia de aula e não dizer aos pais. Ir a uma festa e tomar um porre. Conhecer o cara dos seus sonhos e descobrir que aquilo tudo só durou uma noite e que amores vão e vem. Ela queria descobrir os prazeres da vida, mesmo com todos os erros e acertos, afinal, isso sim é se sentir viva, é viver. Olá senhorita imperfeita, seja bem vinda, já esperei tempo de mais por você, pode ocupar o seu lugar.

Ana não estava na idade de cometer apenas acertos, pelo contrário, estava na idade de errar, e muito. A vida é curta demais pra se viver o tempo todo querendo agradar o mundo, acredite, por mais que você se esforce, essa tarefa será em vão. Pessoas nunca estão satisfeitas.


Fan Page do blog ♥   
Beijos e até a próxima.

38 comentários:

  1. Adorei a crônica!! você escreve muito bem florr <33

    Beijos, Mari
    Blog Garota da Bossa

    ResponderExcluir
  2. Adorei o texto.
    E amei a criatividade com a música *o*
    Beeijos,
    Gabi
    http://girlswithstyles.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. AMEI <3
    Bjos.

    garotamodamh.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. É a minha música preferida da Taylor *---------* adorei! Texto show!
    xoxo
    http://www.universovanguarda.com/

    ResponderExcluir
  5. Esse é o texto da minha vida xD
    Sério mesmo, você me escreveu kkkkk
    Amei mesmo, beijos
    sorrisoselivros.com

    ResponderExcluir
  6. Amei seu texto!
    amooo a música da Taylor!!

    http://pamlepletier.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Adooooorei o texto, vc escreve super bem!
    E amei o acompanhamento com a música da Taylor Divaaaa! <3 haha

    Beijos, Quinze Fases.

    ResponderExcluir
  8. O texto ficou muito bom, sempre me impressiono com o que você escreve! E eu amei a música, hihi, beijoss <3
    http://oblogdamandi.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. O texto me lembrou alguém,esse alguém é eu. Me lembro do tempo que todos queriam e achavam que eu era perfeita,até descobrirem que eu era uma ilha de problemas. Nada muito sério,mas algo que eles todos acreditaram ser um enorme erro,e lá se foi minha perfeição.

    http://dienyladyy.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal, adoro quando as pessoas se identificam com o que eu escrevo :)

      Excluir
  10. adoreii,,verdade as pessoas nunca estarão satisfeitas,,
    beijinhos
    http://ericamondeck.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Ameiii! estou lhe seguindo, se quiser retribuir :D
    http://agoraquesougente.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Adorei, muito bem escrito.

    http://mundodeariel.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Por mais que eu procure palavra nenhuma define seus textos...

    http://estantedasfadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Adorei o texto Lu, tu escreve super bem <3 Ah, a música combinou perfeitamente com o texto <333
    Bisous
    needfulglam.blogspot.com
    www.facebook.com/needfulglam

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A que bom, fico mega feliz. Muito Obrigado :)

      Excluir
  15. Gostei muito do texto. Ainda tenho que aprender muito tbm, a nao ligar pra opinião dos outros, ne?!

    parabéns, gostei muito!


    autoapaixonada.blospot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oi, te indiquei para um meme!
    Beijos
    # http://estantedasfadas.blogspot.com.br/2013/08/meme-meu-blog-e-eu.html

    ResponderExcluir
  17. Oi Luana!

    O ser humano está sempre insatisfeito com tudo, né? É inerente à nossa condição humana... enfim, vamos fazer o que nos agrada e deixar os outros de lado!

    Uma beijoca,
    Nanda Cris

    Maquiada & Esmaltada
    Maquiada & Esmaltada no Facebook

    ResponderExcluir
  18. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  19. Oiie :D

    Amei seu blog...

    Amo seus posts =^.^=

    Quero seguir, mas não achei o gadget de seguidores :/

    XOXO

    Rabiscado por: Mafê, uma pequena blogueira.

    http://gdegarotta.blogspot.com.br/ --> Meu cafofo

    http://mdeminhamoda.blogspot.com.br/ ---> Cafofo das minhas bests

    ResponderExcluir

Não vai sair sem deixar um comentário né?!

* Comente e eu retribuo;
* Deixe a sua URL para que eu possa te visitar;
* Não xingue;
* Não deixe comentários Ofensivos;


Meu e-mail para um possível contato é luanasphinelly@hotmail.com

Aceitamos, Dúvidas, sugestões, Criticas construtivas ou um simples elogio.
Se você leu essas regrinhas, tenha certeza de que vou retribuir sua visita!

Beijos, Luana Sphinelly.